The Great American Songbook (III) – Cheek to Cheek

by manuel margarido

Esta madrugada, em Nashville, Tennessee, Barack Obama e John McCain defrontam-se num segundo debate (transmissão directa na SIC Notícias a partir das 01h30m, com tradução simultânea competente e, se for como no primeiro debate, comentários de Nuno Rogeiro e de um outro senhor de que nunca me lembro o nome, apesar do ar tão respeitável e hei-de referi-lo aqui).

As coisas mudaram muito, desde o primeiro debate. Como referi ontem, a McCain não lhe resta senão uma estratégia de confronto directo, eventualmente agressivo para os padrões americanos (quem viu o debate entre Berlusconi e Prodi nas últimas eleições italianas, o debate entre Sarkozy e Segolène Royal nas presidenciais francesas, tem uma ideia mais clara sobre as ‘boas maneiras’ de que os europeus tanto se orgulham, em comparação com os ‘grunhos’ americanos).

De resto, a CNN dá-nos conta que: “At a campaign event in Denver, Colorado, last week, a voter asked McCain when he was going to “let the gloves come off and go after” Obama. McCain’s response: “How about Tuesday night?” Esperam-se, portanto, punhos em riste. E, se bem aconselhado, um estratégia de elegantes esquivas por parte de Obama, pontuadas por uppercuts clarificadores. O que é certo é que estarão, como nunca, face com face. No Tennessee, outra terra seminal da música americana.

*

Face a Face. Cheek to Cheek. A canção (1935) foi composta por Irving Berlin, imortalizada em Top Hat por Fred Astaire. Não será a melhor interpretação, sob o ponto de vista musical. Mas como esquecer a dança, a insustentável leveza da conjugação dos corpos de Astaire e Ginger Rogers? Clássico entre clássicos, Cheek to Cheek conheceu uma carreira fulgurante na história da música. Como o comprova a lista de intérpretes que dela se apropriaram. Agora, depois de colocar este post, vou tranquilamente assistir ao debate. A CNN, na sua Pool of Polls, deu ontem pela primeira vez, 50% a Obama. “Heaven, I’m in heaven, and my heart beats so that I can hardly speak...”

Anúncios