Ana Paula Inácio – amanhã vou comprar umas calças vermelhas

by manuel margarido

 

Tendo iniciado o seu percurso poético em 2000, a obra da autora encontra-se em dois livros de poemas e um de contos (além de representada em algumas antologias e com trabalhos publicados na revista «Telhados de Vidro» n.º 9, n.º 11). Obra breve, espera-se que não terminada.

amanhã vou comprar umas calças vermelhas

porque não tenho rigorosamente nada a perder:

contei, um a um, todos os degraus

sei quantas voltas dei à chave,

sublinhei as frases importantes,

aparei os cedros,

fechei em código toda a escrita.


Amanhã comprarei calças vermelhas

fixarei o calendário agrícola

afiarei as facas

ensaiarei um número

abrirei o livro na mesma página

descobrirei alguma pista.

Inácio, Ana Paula, Vago Pressentimento Azul por Cima, Porto: Ilhas, 2000

(clique para ampliar)

Ligações Relacionadas:

Instituto Camões

Insónia (blogue de Henrique Manuel Bento Fialho)