12.766

by manuel margarido

Este blogue recebe uma média de 200 visitas diárias. No seu dia mais intenso, uma avassaladora jornada, 411 visitas. Números que muito me alegram, dada a intensa popularidade de temas como a poesia, a literatura e as subtis bizarrias do mundo. Ou alegrariam, se importância lhes desse. Ontem, o Google decidiu homenagear o grande ilustrador norte-americano Norman Rockwell, talvez o melhor retratista da América desde a década de trinta até à década de sessenta do século passado. Acontece que uma imagem de uma ilustração do artista publicada neste blogue surgia em primeiro lugar no motor de busca, vá lá saber-se porquê (surgia: hoje já não surge).

Após 12.766 visitas num só dia, e mensagens de todos os cantos do mundo, muitos deles bastante exóticos (obrigado Taiwan, Barbados, Lituânia, Singapura, muito obrigado Togo, muito obrigado cibernauta australiano que queres aprender português), percebi melhor que a questão de “quantos” nos visitam só interessará para fins comerciais. De resto, é muito mais engraçado tentar saber “quem” nos visita. É por isso que agradeço, aliviado, o regresso à normalidade.

"Eu multiplico"

“Triple Self-Portrait” Oil on canvas “Saturday Evening Post”, capa de 13 de Fevereiro de 1960 © Norman Rockwell (d.r.)

[Clique para ampliar]