Agarrar a terra

by manuel margarido

O mapa que se mostra aqui representa a aquisição de terra entre países à escala global (grab, em inglês, tem um sentido mais rude e adequado que ‘aquisição’, estando mais conotado com agarrar, com ‘pôr as garras em’). Nele pode observar-se os Estados (incluindo as suas empresas privadas) detentores de terra fora das suas fronteiras e aqueles onde eles a compram. O movimento de compra de terra estrangeira em larga escala tem-se acelerado bruscamente nos últimos anos. O motivo é, quase invariavelmente, o mesmo: a produção alimentar.

Os círculos vazios representam os países compradores; os círculos cheios representam os países onde a terra foi comprada. Nota adicional: Portugal Continental tem aproximadamente 9.230.000 hectares de superfície.

clique para ampliar

clique para ampliar